quarta-feira, 15 de outubro de 2008

É verdade. O Sol brilha outra vez...

A todos os que aqui (e por outros meios) me mimaram, me ofereceram ombros, me ajudaram a andar em pé nos últimos dias - um enorme OBRIGADO!
Os amigos são, na verdade, os grandes pilares da minha estrutura...
O que me levou a escrever o último post está resolvido (?...) e agora resta-me descansar e ganhar forças para a próxima pedra no caminho (continuo a guardá-las todas para, um dia, construir um castelo...)


Hoje deixo-vos um poema, com piada, do poeta Vinicius de Moraes



Poema Enjoadinho


Filhos... Filhos?
Melhor não tê-los!
Mas se não os temos
Como sabê-lo?
Se não os temos
Que de consulta
Quanto silêncio
Como os queremos!
Banho de mar
Diz que é um porrete...
Cônjuge voa
Transpõe o espaço
Engole água
Fica salgada
Se iodifica
Depois, que boa
Que morenaça
Que a esposa fica!
Resultado: filho.
E então começa
A aporrinhação:
Cocô está branco
Cocô está preto
Bebe amoníaco
Comeu botão.
Filhos? Filhos
Melhor não tê-los
Noites de insônia
Cãs prematuras
Prantos convulsos
Meu Deus, salvai-o!
Filhos são o demo
Melhor não tê-los...
Mas se não os temos
Como sabê-los?
Como saber
Que macieza
Nos seus cabelos
Que cheiro morno
Na sua carne
Que gosto doce
Na sua boca!
Chupam gilete
Bebem shampoo
Ateiam fogo
No quarteirão
Porém, que coisa
Que coisa louca
Que coisa linda
Que os filhos são!

12 comentários:

OBSERVADOR disse...

Eu sabia...

cmykismybestfriend disse...

eu nao sou o demo
sou a dema

Albertina disse...

Pois é Observador... mais uma vez! Ainda me tem que contar o segredo das adivinhações...

Fifi - és o que quizeres para os outros... para mim, és a melhor filha do mundo (hoje!)

paula simoes disse...

olá Albertina

Deus ajuda sempre á que acreditar e agora é seguir em frente amiga e ter força ecoragem para ajudar quem precisa
uma boa semana

beijinhos do tamanho do Mundo

Carecaloira disse...

Tia,

estou muito feliz, já lho tinha dito.
Agora é descansar e por tudo em ordem.

Vê?! Acreditar, acreditar, acreditar afinal dá resultado. Eu, pelo menos, sempre acreditei.

Beijo bem grande
Marina

elvira carvalho disse...

Que bom Albertina. Graças a Deus.
Um abraço muito grande para as duas.
Um abraço

pedro disse...

tens três grandes filhas - a pequenina conheço-a pouco eu sei, mas pela pinta e pela genica dela na praça é uma pessoa amorosa- são três pessoas diferentes, cada uma à sua medida mas todas só coração.
é engraçado como o pai tempo sabe apagar as coisas negativas que acontecem, no final só o amor conta, só o amor interessa.
agora resta esperar, deixar que o mar encarpelado se torne chão, saber reconhecer o seu toque no barco, saber ir dando corda à medida que o pequeno bote vai ganhando força para navegar sozinho.
força para todos e que os rumos sejam vividos com coração.

beijo

jorge henriques disse...

Olá Albertina, que bom que o problema já é passado .
Tudo de bom para toda a familia
um abraço
jorge

Mamede disse...

Olá Albertina...não posso deixar de dizer que, tenho a certeza que este problema se vai resolver e para isso tanto os progenitores como a cria têm todo o nosso apoio, (com a certeza que falo por todos!!).
Força muita força!!
Beijos

São Nunes disse...

Olá Albertina

Em silêncio mas estive consigo estes dias.
Graças a Deus que passou ,ele não a podia deixar muitos dias triste.
Um beijo MUITO GRANDE.

São

DANI disse...

Fico muito feliz Albertina, por tudo já estar resolvido.
Tudo fica bem quando acaba bem.

Agora aproveite este fim de semana para descansar e se divertir também merece.

Um beijinho imenso.

Dani

Carla Silva e Cunha disse...

ola


ADOREI...por isso voltarei

carla

http://www.arte-e-ponto.blogspot.com